Indústria Verde

Plastibras reutiliza embalagens de defensivos agrícolas na fabricação de dutos corrugados

Tecnologia de ponta é usada para maior eficiência do sistema produtivo em todas as etapas

No campo, a utilização crescente de agroquímicos gera o descarte de milhares de embalagens que não só geram lixo, mas podem poluir solos e rios e contaminar pessoas. A indústria brasileira já está investindo em maneiras de reutilizar ou reciclar esses recipientes para que eles não se tornem um problema ambiental.

A Plastibras, indústria que utiliza tecnologia de ponta para produzir Polietileno de Alta Densidade (PEAD), reutiliza as embalagens plásticas de defensivos agrícolas, oriundas de diversos estados brasileiros, na fabricação de dutos corrugados. Com diâmetros que variam de 20mm a 200mm, os produtos são empregados em larga escala em obras de infraestrutura, nos setores de energia elétrica, telecomunicações e edificações comerciais e residenciais.

As iniciativas da empresa, localizada em Cuiabá (MT), estão alinhadas à estratégia da Confederação Nacional da Indústria (CNI) rumo a uma economia brasileira de baixo carbono, baseada em quatro pilares: transição energética, mercado de carbono, economia circular e conservação florestal.

“Em um passado recente, essas embalagens eram enterradas, queimadas ou descartadas ao ar livre, causando sérios danos ao meio ambiente. Hoje são reaproveitadas, gerando emprego e renda, além de servirem de matéria-prima para a produção de diversos produtos”, afirma o diretor da empresa, Adilson Valera Ruiz.

Selo Verde – Antes de serem transformadas em matéria-prima, as embalagens passam por um processo de tríplice lavagem. Somente após a última lavagem, são utilizadas na produção de resina e, na sequência, viram os dutos e eletrodutos corrugados.

As instalações da Plastibras estão enquadradas no Programa de Produção Mais Limpa, por meio do qual realiza o reuso total (100%) da água utilizada no processo industrial, por meio da Estação de Tratamento de Efluentes (ETE).

A empresa é a primeira do setor de transformação do Brasil a receber o Selo Verde, concedido pelo Instituto Ação Verde, um certificado de neutralização de carbono nos processos produtivo, administrativo e comercial. A Plastibras ainda possui certificado ISO 9001:2015, importante selo de excelência para as indústrias.

Ações amplas – Na área socioambiental, a empresa investe na educação ambiental por meio de palestras e visitas às instalações da fábrica e treinamento dos colaboradores. Também organiza oficinas de reciclagem para os colaboradores e seus filhos.

A Plastibras possui ainda postos de coleta de orgânicos, metais, plásticos e papel, e também realiza coleta de matérias para venda (papelão, fitas, etc), cujo valor arrecado é revertido em ações para os colaboradores.